A minha dieta Paleo

Hoje decidi fazer um post a explicar mais um bocadinho sobre a minha reeducação alimentar, mais concretamente o estilo Paleo, e notem que não sou entendida na matéria, apenas fiz alterações à minha alimentação e adaptei uma corrente alimentar que me pareceu fazer todo o sentido, mas por vezes o que resulta para uns, não resulta para os outros.
Como já fui dizendo em outros posts, aboli completamente o leite de vaca da minha alimentação e o gluten, nada de radical e sempre a descomplicar, se estiver num jantar, festa, almoço, etc, não vou deixar de comer normalmente, vou tentar fazer escolhas mais saudáveis e tentar manter-me fiel à minha nova alimentação. Durante este quase um mês e meio já aconteceu cometer alguns 'pecados' e o mais engraçado é que não me senti mal, também tentei ser controlada e correu tudo bem.

O primeiro passo é sem dúvida alguma ler o site sobre este assunto: http://paleoxxi.com
O segundo passo é mentalizarem-se de que não existem milagres, quem tem tendência para engordar terá sempre que ter cuidados e basta começarmos a comer produtos processados, cheios de açúcar, e claro que vão engordar.
O terceiro passo é sem dúvida alguma fazer exercício físico, porque se 80% dos resultados positivos de uma dieta passam por uma reeducação alimentar, os outros 20% são actividade física. Aqui convém encontrar algo que gostem, caso contrário não vão ter grande sucesso, falo por experiência própria.
E por último, mas não menos importante, programar, organizar, não deixar chegar ao limite a fome e depois acabamos por dar facadinhas diárias na dieta. Quando decidirem começar, vão às compras e tragam tudo o que é necessário para a vossa alimentação semanal e aproveitem o fim-de-semana para deixar algumas refeições próprias,  pequenos-almoços e snacks.

Já tinha feito um post sobre os meus pequenos-almoços que podem ver aqui:
E deixo algumas fotos de refeições que tenho feito:
Bifinhos de frango recheados com queijo e presunto
Gambas com gengibre e cogumelos


Wraps de alface com bifinhos de vaca e pimentos

Almôndegas de vaca com queijo mozzarella e esparregado

'Couve-flor' Chau chau

Salada de polvo

Bacalhau à brás com courgette

Omelete de espinafres com cogumelos

Peixe cozido com legumes

Pimento recheado com chili com carne (sem feijões)

Salmão no forno com legumes

Omelete com queijo e presunto e cogumelos salteados


Beringela recheada com cogumelos e bacon
No inicio da dieta senti mais necessidade de snacks, mas com o passar do tempo tenho vindo a reduzir, mas tenho sempre na minha mala uma embalagem de amêndoas ou nozes para se tiver fome. Os que uso mais são sem dúvida alguma os frutos secos, cenouras aos palitos, presunto, ovos cozidos, queijo e quando estou mesmo com vontade de um doce como um ou dois quadrados de chocolate com mais de 80% de cacau, bebo uma chávena grande de café com canela ou chá. Uma alternativa rápida são os bolos de microondas que já fiz por duas vezes e me satisfizeram tanto que acabei por não jantar.


Bolo de coco e chocolate

Bolo de chocolate
As receitas podem ver aqui: 

O objectivo desta reeducação alimentar é mesmo só comer quando temos fome e entender o nosso organismo e as necessidades que temos ao longo do dia. O meu alimento preferido até agora e que me deixa super saciada é o abacate, é o meu parceiro matinal,  o meu SUPER alimento! Vejam no site que mencionei em cima, e dentro da lista de alimentos permitidos, o que melhor se enquadram para vocês!
Eu perdi cerca de 5 kilos e muito, mas mesmo muito volume e melhor ainda, ganhei energia e um 'bichinho' para fazer exercício físico!
Se resultou comigo, também vai resultar com vocês! Enviem mensagens ou emails e eu estarei cá para ajudar! Força!



Comentários

  1. Obrigada pela partilha, vou tirar aqui algumas ideias.
    Bem haja (já subscrevi o seu blog, para acesso mais rápido às suas receitas há forma de ver em lista?)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Pão de Alho

Pão Doce

Pataniscas de bacalhau no forno